ATENÇÃO: TERMINA DIA 30 DE SETEMBRO O PRAZO PARA DESISTÊNCIA DE RECURSOS

Postado em | 29 setembro, 2010

ATENÇÃO: Termina nesta quinta-feita (30/09/2010) o prazo para desistência dos recursos administrativos e judiciais que acarretaram na suspensão da exigibilidade dos débitos que serão incluídos no Refis da Crise.

Débitos que não estão com sua exigibilidade suspensa não precisam desta desistência.

Cuidado com este prazo, pois dificilmente haverá uma nova prorrogação!!!

Comentários

4 Respostas para “ATENÇÃO: TERMINA DIA 30 DE SETEMBRO O PRAZO PARA DESISTÊNCIA DE RECURSOS”

  1. Natalia
    2nd outubro, 2010 @ 1:36

    Boa Noite Sr Adalberto
    Primeiramente gostaria de parabeniza-lo pelo site, que esta repleto de informacoes de extrema relevancia para o contribuinte.
    Minha outra duvida e como eu devo desistir dos processos?
    Devo preencher o anexo I(postado no site da RFB) e entregar onde?
    Posso eentrregar esse anexo como peticao no Centro de Atendimento do Contribuinte(CAC)?
    O CAC se trata de uma Unidade da Receita Federal?
    Obrigada novamente
    Boa Noite

  2. Adriana Soares
    4th outubro, 2010 @ 18:30

    É possível o parcelamento de honorários advocatícios devidos em processo de embargos à execução fiscal, segundo a Lei 11.941/09?

  3. Adalberto Vicentini
    6th outubro, 2010 @ 22:50

    Olá Natália,
    Um simples protocolo, informando a desistência da discussão, seria mais do que suficiente, tanto na via administrativa quanto na via judicial. A diferença é que, judicialmente, deve ser feita por um advogado.
    Na Receita, apenas informe que é um protocolo de desistência de processo administrativo, que irão te encaminhar ao setor competente para recebê-lo.

  4. Adalberto Vicentini
    6th outubro, 2010 @ 22:50

    Olá Adriana,
    Os honorários não são parceláveis pelo Refis da Crise.

Deixe uma resposta





  • Simulador

    Cursos e Palestras sobre o Refis da Crise

  • Contrate!

    Consultoria e Assessoria no Refis da Crise

    Cursos e Palestras sobre o Refis da Crise

  • O que mais citamos

  • Siga-nos!

    Siga o Refis da Crise no Twitter